terça-feira, 25 de janeiro de 2011

O retorno de Alex

O sonho de repatriar o meia Alex está mais vivo do que nunca no Alto da Glória, mas o torcedor do Coritiba não deve sair soltando foguetes por ora. Apesar da complexidade para se trazer um atleta do nível do camisa 10 do Fenerbahçe, da Turquia, a ideia é acalentada dentro do Alviverde, mas esbarra nas altas cifras para uma operação dessa natureza.
O investimento na contratação do craque seria, guardadas as devidas proporções, parecido com o que o Flamengo fez para ganhar a disputa por Ronaldinho Gaúcho. Ou seja, o Coxa precisaria de patrocinadores e investidores para ajudar a bancar o alto custo.
“Isso é um projeto grandioso, que tem que ser muito bem feito. É um projeto muito delicado. Veja o caso do Ronaldinho Gaúcho, do Thiago Neves”, avalia Ernesto Pedroso Júnior, membro do conselho administrativo (G9).
Segundo ele, há a possibilidade de se oferecer uma proposta ao jogador, mas ele reitera que o clube não pode passar de seus limites. “Não que não tenhamos possibilidade, capacidade de viabilizar economicamente, mas eu acho que é um projeto delicadíssimo. É um movimento econômico muito forte”, justifica o dirigente.

Isso, no entanto, não impede que Pedroso se coloque no papel do torcedor e sonhe junto com aqueles que querem ver de novo o garoto criado no clube com a camisa 10 de novo este ano.
“Para nós seria o céu e eu me consagraria como dirigente, mas temos que ter bala na agulha”, pondera Pedroso. Se a ideia vai virar projeto mesmo e prosperar até uma proposta concreta o dirigente não dá pistas, mas informações de bastidores dão conta que isso poderia ser tentado.
O contrato do atleta vai até o final da temporada, que será em junho, mas o campeonato turco acaba em maio e, depois disso, Alex estará livre. Apesar da liberação do jogador do Fener, fazer a contratação não será tarefa fácil.
O meia ainda desperta interesse de outras equipes europeias e brasileiras e a concorrência não seria fácil para o Alviverde. Através de seu site www.alex10.com.br, o próprio jogador já avisou que não recebeu nenhuma proposta ainda e que vai levar as negociações o mais discretamente possível.
“Quando tiver a situação definida, todos ficarão sabendo”, disse o meia. Ele reitera que não conversou com nenhum clube até agora e qualquer coisa em contrário é mentira. Mas o desejo de vários clubes em tê-lo é real.
Apito

A FPF sorteou Adriano Milczviski para comandar Coritiba x Cascavel às 19h30 de quinta-feira no Couto Pereira.

Time


Para este confronto, o técnico Marcelo Oliveira não poderá utilizar o zagueiro Jéci e o meia Rafinha, expulsos contra o Paraná Clube. A tendência é que ele use Lucas Mendes na defesa, mas no meio Tcheco, Geraldo, Davi e Anderson Aquino são candidatos. Hoje à tarde, o treinador faz o coletivo apronto no Couto Pereira.

Leandro Donizete deve renovar com o Alviverde

O volante Leandro Donizete deve ampliar o vínculo com o Coritiba por mais dois anos. O atual contrato entre as partes se encerra no final deste ano, mas a tendência é que o novo acordo vá até o final de 2013. “Amanhã (hoje) tem uma reunião para definirmos isso”, revelou Edson Khodor, empresário do atleta.
De acordo com ele, o clube está sabendo valorizar a importância do atleta e por isso não deverá haver problemas para a assinatura desse contrato. O jogador completa 29 anos em maio e recebeu propostas para deixar o Alto da Glória, mas preferiu ficar pela identificação com o clube.
De acordo com o Khodor, o futebol mexicano e outros clubes brasileiros já quiseram levar Donizete. “Este ano surgiram duas situações, mas para o Leandro e pela condição oferecida pelo Coritiba optamos pela opção mais segura”, apontou o empresário. De qualquer forma, uma saída não está descartada.
“No contrato tem cláusulas normais. Aparecendo uma proposta, vamos levar ao clube, mas o atleta não pode perder e nem o Coritiba”, avisa Khodor, que já está em Curitiba para acertar esses detalhes com a diretoria. Por enquanto, os dirigentes preferem a cautela antes de anunciar mais esta renovação.

Desde o final do ano passado, o clube vem tratando de segurar as principais peças. Nessa leva, renovaram o contrato os zagueiros Pereira e Lucas Mendes, o lateral-esquerdo Triguinho, o volante Léo Gago, os meias Rafinha e Tcheco e os atacantes Bill, Marcos Aurélio e Leonardo. Assim, dos atletas que interessavam ao clube, somente Enrico acabou ficando porque o Vasco pediu a sua reintegração após o período de empréstimo.

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Coritiba supera rival atretico e vai às quartas de final da Copinha


O Coritiba levou a melhor no duelo com o arquirrival Atlético-PR e se classificou às quartas de final da Copa São Paulo de futebol júnior. Jogando em São José dos Campos, nesta segunda-feira, o Coxa venceu o duelo por 4 a 1, nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo normal. Batata e Diego foram os "vilões", desperdiçando suas cobranças pelo Furacão (uma para fora e outra na trave).
Agora, o Coritiba aguarda o vencedor do confronto entre São Paulo e Flamengo, que se enfrentam às 21h (de Brasília) desta terça-feira, em Limeira. O SporTV transmite a partida ao vivo e o GLOBOESPORTE.COM acompanha em Tempo Real.
O Furacão começou o jogo melhor e não demorou a abrir o placar. Aos 24 minutos, Harrison cruzou da esquerda e Pablo apareceu na área para cabecear. A bola bateu na trave e voltou nos pés de Rossetto, que não perdoou. Antes de entrar, a zaga do Coxa ainda fez leve desvio na bola, mas não conseguiu evitar o gol.
A partir daí, o Furacão se fechou na defesa e passou a explorar muito bem os contragolpes. O time do Coritiba esteve mais perto de levar o segundo do que de chegar ao empate na etapa inicial.
Depois do intervalo, o panorama o Coxa voltou mais animado e partiu em busca do empate. O time esteve perto de conseguir numa bomba de Alan que carimbou a trave. Entretanto, a equipe alviverde só achou o caminho da rede aos 16, quando Jorge Balbino Júnior, o Juninho no mundo da bola, aproveitou um cruzamento da direita e emendou de canhota para deixar tudo igual.
Ao longo do jogo, o Coritiba sofreu com as lesões. Todas as três alterações feitas foram motivadas por problemas de atletas machucados. Rafinha, Rafhael Lucas e o autor do gol, Juninho, tiveram de deixar o jogo antes do fim por causa de lesões.

Apesar de tudo, o Coxa segurou o empate até o fim e jogo foi para os pênaltis. Aí, logo nas duas primeiras cobranças, o Furacão entregou o ouro. Batata bateu para fora, Diego, na trave. O Coritiba acertou seus quatro chutes e fez a festa em São José dos Campos.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Canta, Canta alto, ashuashuas.

Copa SP Junior. HOJE 19h.

O time Sub-18 do Coritiba decide hoje uma vaga às quartas-de-final da Copa São Paulo de Futebol Júnior nessa segunda-feira à noite, às 19h. E o jogo decisivo é justamente um AtleTiba, do qual só o vencedor seguirá na competição para enfrentar aquele que será o vencedor do confronte entre São Paulo e Flamengo.
O clássico será transmitido pelo canal SporTV e por outro canal da TV por assinatura e o torcedor Coxa-Branca poderá acompanhar os principais lances e torcer pela vitória do Coritiba através do Twitter oficial do Clube,twitter.com/coritibaoficial.



domingo, 16 de janeiro de 2011

Vivas para o Arapongas...

atleTIBA na Copa SP de Futebol Jr.


Em duelo equilibrado pela segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o Coritiba superou o Atlético-MG nas cobranças de pênaltis e avançou às oitavas de final, após jogo neste sábado no Estádio Benedito Teixeira, em São José do Rio Preto, que terminou com um 2 a 2. A equipe paranaense foi perfeita em suas penalidades, enquanto os mineiros erraram duas vezes, encerrando a disputa em 4 a 1.
Na próxima fase, o Coritiba enfrenta o rival Atlético-PR, que derrotou o Mogi Mirim por 3 a 1. O time de Curitiba marcou seus gols no primeiro tempo com Guilherme Batata, Pablo e Erwin. Depois do intervalo, Potiguar descontou.
O Atlético-MG abriu o placar aos 14min, em chute de Felipe Augusto no canto do goleiro Tadeu. A vantagem mineira, porém, durou apenas um minuto, uma vez que Rafhael Lucas cabeceou após cobrança de escanteio para igualar o placar.
A igualdade prosseguiu até o segundo tempo, quando aos 5min Rafhael Lucas fez novo gol de cabeça, desviando cobrança de falta de Luizinho. O Coritiba parecia levar a classificação, mas aos 24min Roger fez grande jogada pela ponta direita, cruzou na área e Sidimar cabeceou para empatar novamente.
Nas penalidades, o capitão Sidimar iniciou a disputa para o Atlético-MG e viu o goleiro Tadeu fazer grande defesa. Na terceira cobrança mineira, Roger finalizou para fora, enquanto o Coritiba acertou todos seus chutes, garantindo sua classificação.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Elenco para o Paranaense 2011.

Jogador    idade    pos
Edson Bastos    31    G
Vanderlei    26    G    
Jonas    23    LD
Maranhão    25    LD
Pereira    31    Z
Jéci    30    Z
Emerson    27    Z
Cleiton    29    Z
Lucas Mendes    20    Z
Eltinho    24    LE
Triguinho    31    LE
Leandro Donizete    28    V
Léo Gago    27    V
Marcos Paulo    20    V
Willian    21    V
Tcheco    34    M
Rafinha    27    M
Davi    26    M
Geraldo    19    M
Marcos Aurélio    26    A
Leonardo    27    A
Anderson Aquino    24    A
Bill    26    A
Marcelo Oliveira    técnico

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

VILSOOOOOOOOOOOON Abre o OLHO.

Com contrato no fim, Alex diz que espera propostas.

O meia Alex parece disposto a deixar o Fenerbahçe, da Turquia. O jogador informou, por meio do seu site oficial, que está aberto a ouvir propostas de outros clubes, tendo em vista o fato de que seu contrato se encerra ao fim desta temporada europeia, em maio quando ele ficará livre para analisar possíveis ofertas.
O ex-jogador de PalmeirasFlamengoCruzeiroParma Coritiba revelou o fato ao dizer que ainda não foi procurado por dirigentes do clube turco, no qual é grande ídolo da torcida, para tratar de uma possível renovação de contrato.
"Meu contrato acaba no final dessa temporada e isso não é segredo para ninguém. No final do mês de novembro procurei o Fenerbahçe e passei para eles (dirigentes) que por respeito e pelo carinho que tenho pelo clube os ouviria primeiro. Alguns agentes me ligaram falando a respeito de clubes e eu nem cogitei ouvi-los. Agora as coisas mudaram um pouco. Já que se passaram dois meses desse último papo com o Fener e não falamos nada a respeito de futuro. As situações passam rapidamente e também tenho que pensar como será depois de maio", revelou Alex.
O presidente do Palmeiras, Luiz Gonzaga Belluzzo, manifesta desde o ano passado o interesse em contratar o jogador, que se tornou ídolo no clube no final dos anos 90, nos quais conquistou o título da Copa Libertadores de 1999, além da Copa Mercosul e a Copa do Brasil de 1998 e oTorneio Rio-São Paulo de 2000.
São Paulo, por sua vez, admitiu de forma oficial, no final do ano passado e também no início de 2011, que Alex interessa ao clube, apesar de ter se identificado como grande ídolo do rival Palmeiras. O próprio jogador admitiu que não se importaria em atuar por um clube paulista que não fosse a equipe do Palestra Itália, mas já enfatizou que, se puder, daria preferência a atuar em um dos clubes que já defendeu no Brasil.
"Ainda não tenho nada em mente, nada decidido. Não falei com o Fener, outros me procuraram e eu sempre disse que não era o momento. Mas a partir de agora vou ouvir o que vier de concreto e analisar o que é melhor para mim e minha família. Cinco meses passam muito rápido e como o futebol é muito dinâmico, não posso deixar a coisa correr para um caminho errado", reforçou Alex, lembrando que precisa planejar o seu futuro com antecedência.
O meio-campista ainda garantiu que não tem nada acertado com nenhum clube e que por enquanto não negocia com outros times. "Quando tiver algo decidido passo a informação para todos vocês. Qualquer coisa que vocês leiam ou escutem até esse momento, é meramente especulativo. Não existe nada conversado com ninguém", finalizou o jogador, na nota que publicou em seu site.

domingo, 9 de janeiro de 2011